Evento é parte do Movimento 100 Open Startups e acontece nos dias 21 e 22 de fevereiro, em São Paulo

A Educacross, startup ligada ao Supera Parque de Inovação e Tecnologia, de Ribeirão Preto, participa, entre os dias 21 e 22 de fevereiro, do Oiweek 2017 – 9th Open Innovation Week. O evento é parte do movimento 100 Open Startups e tem como objetivo conectar pessoas, instituições e comunidades de inovação em torno da prática da inovação aberta no país e no mundo.

Durante os 2 dias, a empresa terá a oportunidade de expor a tecnologia desenvolvida e atender possíveis parceiros. “É uma excelente oportunidade para ampliarmos o networking com grandes empresas e startups, além de mostrar o resultado do trabalha que estamos desenvolvendo nos últimos anos”, afirma Reginaldo Gotardo, Diretor Executivo da Educacross.

O evento irá reunir as startups brasileiras consideradas mais atraentes para o mercado. A seleção contou com a participação de 2.100 avaliadores, representando 317 grandes empresas que classificaram online e onlive mais de 2.700 projetos de startups.

O Oiweek 2017 é exclusivo para as grandes empresas conectadas interessadas em cocriar com as startups mais atraentes de 2016 e gerar contratos. No ano passado, o evento contou com a participação de mais de 20 investidores e 50 grandes empresas como IBM, 3M, HP, Natura, entre outras.

As startups que tiverem melhor desempenho irão compor o ranking TOP100 Brasil 2017. O site do movimento é http://www.openstartups.org.br.
Sobre a Educacross

A Educacross atua no desenvolvimento de soluções inovadoras na área da educação e conta com uma equipe multidisciplinar. “Com a plataforma Educacross, fornecemos para as escolas uma solução completa para avaliação do aprendizado baseada em jogos, inserindo a tecnologia no ambiente e nos processos educacionais”, explica Reginaldo Gotardo.

O sistema oferece apoio educacional baseado em jogos, sendo traduzido em um instrumento pedagógico. “A plataforma oferece jogos na área de matemática, levando em consideração as diretrizes e competências elencadas nos Parâmetros Curriculares Nacionais e nas principais avaliações nacionais e estaduais”, enfatiza. A plataforma pode ser utilizada pelos alunos em sala de aula, laboratórios ou em casa.

O Diretor Executivo explica que os jogos da plataforma Educacross são pautados nas competências e habilidades que as crianças devem desenvolver. “A jogabilidade é lúdica e significativa, seguindo as mais avançadas técnicas de gameficação. Com a plataforma, transformamos o ato de jogar em dados de desempenho individual e coletiva”, ressalta.

Em 2016, a empresa venceu prêmio Lide Futuro Startup 2016, na categoria Startups de Impacto Social. O prêmio é realizado pelo Lide Futuro desde 2013 e também premiou startups em fase de planejamento e startups em estágio inicial.

Supera Parque

O Supera Parque de Inovação e Tecnologia de Ribeirão Preto é resultado de uma parceria entre a Fipase, a Universidade de São Paulo (USP), Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto e Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo. Instalado no Campus da USP local, o Parque abriga a Supera Incubadora de Empresas, o Supera Centro de Tecnologia, a associação do Arranjo Produtivo Local (APL) da Saúde, o Polo Industrial de Software (PISO), além do Supera Centro de Negócios.

Ao todo, são 59 empresas instaladas no Parque, sendo: 45 delas na Supera Incubadora de Empresas de Base Tecnológica; 12 empreendimentos no Centro de Negócios e  2 na aceleradora SEVNA Seed.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA