Tarifas de praças de Sertãozinho, Pitangueiras, Sales Oliveira e Ituverava serão reduzidas

A partir da próxima sexta-feira (18), as tarifas de pedágio ficarão até R$ 2,65 mais baratas em quatro praças das rodovias estaduais paulistas: Anhanguera (SP 330), Atílio Balbo e Armando Salles Oliveira (SP 322).

Segundo a Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo), a mudança faz parte da 4ª etapa do Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo que prevê uma série de benefícios e modernizações para a malha paulista.

Isso ocorre porque, em 2017, foram licitados dois lotes de rodovias estaduais sendo um deles o denominado “Rodovias do Centro Oeste Paulista” que inclui 299 quilômetros de trechos operados pela concessionária Vianorte desde março de 1998. A concessionária Entrevias, vencedora da nova licitação, assume essa malha no eixo entre Bebedouro, Ribeirão Preto e Igarapava já com a redução tarifária prevista contratualmente pelo Governo do Estado.

Os motoristas que optarem por realizar o pagamento de forma eletrônica pelas cabines de cobrança automática – atualmente 56% dos motoristas já pagam o pedágio nesse modelo nas rodovias paulistas – terão um desconto adicional de 5%.

Anote os novos valores das tarifas:

Sertãozinho
Pista manual: de R$ 6,50 para R$ 5,70 (redução de R$ 0,80)
Pista automática: de R$ 6,50 para R$ 5,41 (redução de R$ 1,09)

Pitangueiras
Pista manual: de R$ 8,50 para R$ 7,30 (redução de R$ 1,20)
Pista automática: de R$ 8,50 para R$ 6,93 (redução de R$ 1,57)

Sales Oliveira
Pista manual: de R$ 10,70 para R$ 9 (redução de R$ 1,70)
Pista automática: de R$ R$ 10,70 para R$ 8,55 (redução de R$ 2,15)

Ituverava
Pista manual: de R$ 13,10 para R$ 11 (redução de R$ 2,10)
Pista automática: de R$ 13,10 para R$ 10,45 (redução de R$ 2,65)

Tecnologia e inovação:

Entre as inovações do novo contrato está a adoção de um modelo pioneiro no país de “cobrança semiautomática” com foco nas motos, que passarão a pagar metade da tarifa de pedágio dos veículos de passeio. Os motociclistas terão como opção pagar por meio de uma pulseira ou um cartão equipado com chip pré-pago.

A concessionária também pretende equipar a rodovia com Wi-Fi ao longo de toda a malha a fim de levar ao usuário informações sobre o sistema, atualizando-o, por exemplo, sobre a situação do trânsito. Para maior segurança e fluidez do tráfego, as estradas serão totalmente monitoradas por câmeras inteligentes.

Foto: Divulgação

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA